Início Destaque Polícia Civil identifica suspeito de estelionato e recupera bens da vítima em...

Polícia Civil identifica suspeito de estelionato e recupera bens da vítima em Carmópolis

A Polícia Civil de Carmópolis (SE), após investigações, chegou até Jackson Santos, suspeito de crimes de estelionato praticados na cidade de Lagarto e Itabaiana contra, pelo menos, três vítimas. A prisão do homem aconteceu nesta sexta-feira, 14, na cidade de Carmópolis.

De acordo com o delegado Samuel Souza, que preside as investigações, no dia 5 de maio deste ano, Jackson entrou em contato com uma funcionária de um empreendimento comercial que vende piscinas para residências, na cidade de Lagarto. Ele queria comprar uma piscina de forma financiada, com o financiamento sendo feito em nome da mulher dele, a qual ele disse se chamar Amanda Santos Dantas, apresentando cópias dos documentos desta.

Mesmo antes de ser aprovado o financiamento, a empresa mandou, no dia seguinte, entregar a piscina e os acessórios (casa de máquina, bomba e o kit instalação), avaliados em R$ 13.000,00, na cidade de Carmópolis.

Desconfiado com a demora na aprovação do crédito, o dono da empresa vítima procurou a Delegacia Regional, onde foi descoberto que Amanda tinha registrado um Boletim de Ocorrência contra Jackson. O homem ficou com toda a documentação dela, a mesma que ele estava usando para aplicar o golpe na citada empresa.

Após diligências, foi descoberto que o suspeito vendeu a piscina e os acessórios pelo valor bem abaixo do mercado para uma outra vítima na cidade de General Maynard. A vítima pagou a vista o valor de R$ 6.000,00 pelos bens.

O suspeito foi localizado na cidade de Carmópolis. Os bens foram devolvidos para a empresa vítima. Jackson confessou o crime cuja vantagem ilícita foi obtida em Carmópolis, bem como confessou os golpes aplicados na cidade de Itabaiana, onde prometia tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) das vítimas, pegava o dinheiro e cópias dos documentos delas e depois sumia, trocando seu número de telefone.

Fonte: SSP/ SE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais notícias

Comentários recentes