Início Destaque Feminicídio: Empresário de Estância é condenado a 14 anos de prisão

Feminicídio: Empresário de Estância é condenado a 14 anos de prisão

Preso desde abril de 2018, por feminicídio, o empresário Gilvan Santos Souza, 57 anos, foi condenado a 14 anos de prisão em regime fechado.

Ocorre que após uma discussão, Gilvan matou a esposa, Leda Passos, 33 anos, a golpes de faca. O crime que foi enquadrado como homicídio triplamente qualificado, foi registrado na casa do casal, situada no bairro Alagoas, em Estância Sergipe.

A pena imposta ao empresário, foi lida em tribunal de júri realizado nesta quinta-feira, no Fórum Ministro Heitor de Souza, Centro do município e antes do início da sessão, amigos e familiares da vítima fizeram uma manifestação pedindo justiça.

Durante o julgamento que teve duração de quase dez horas, o réu negou que agredia a companheira e afirmou que duas testemunhas de acusação estavam mentindo. Ele, no entanto, não negou a autoria do crime.

 

Por Daniel Villas-Bôas, da Redação Xodó News

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais notícias

Comentários recentes